Continue reading " />

Movimento por um Brasil literário

Pela terceira vez, o Movimento por um Brasil literário participa da Festa Literária Internacional de Paraty. Este ano, a principal novidade é a Campanha por um Brasil literário, que será exibida antes de cada mesa de autores e também na FlipZona.

Produzida durante o ano passado pela Java 2G, a campanha apresenta vinhetas com depoimentos e imagens de pessoas das diferentes regiões do Brasil, mostrando um país que lê, se transforma e se emociona com a literatura, mas que também precisa percorrer um longo caminho para garantir o direito de acesso aos textos literários. Essas imagens fazem parte do  documentário “A Palavra Conta”, lançado na Flip 2010.

Debate na Casa da Cultura
Além da Campanha, uma roda de conversa discutirá a importância da leitura literária, com autores e professores na Casa da Cultura, no dia 7 de julho, às 11h. O escritor, e um dos idealizadores do Movimento por um Brasil literário, Bartolomeu Campos de Queirós, e Ana Maria Machado, escritora e membro da Academia Brasileira de Letras estão confirmados para essa conversa com o público.

E para quem quiser conhecer mais sobre o Movimento e se juntar às mais de 5 mil pessoas que já aderiram, computadores conectados à internet estarão disponíveis na Flipinha. Para quem já conhece e faz parte é mais uma chance de compartilhar e espalhar essa ideia, formando uma grande rede por um Brasil literário.

O Movimento na Flip

A Flip é parceira do Movimento por um Brasil literário desde a sua criação, em 2009. Foi em Paraty, na Flip 2009, que o Manifesto por um Brasil literário foi lançado. Em 2010, o lançamento do documentário “A Palavra Conta” e a Casa Brasil Literário foram duas importantes ações que ajudaram a fortalecer e a dar visibilidade ao Movimento.

Para conhecer a programação da Flip deste ano, acesse o site da festa Llterária.

Fonte: http://www.brasilliterario.com.br/noticias/mostra_2010.php?id=87

Nossa Loja Virtual