Continue reading " />

Livrarias veem Google Editions como aliado

A Google está preparando sua investida no mercado de livros eletrônicos – o “Google Editions” – um esquema de venda de publicações digitais que poderão ser lidas em qualquer navegador web ou dispositivo conectado à rede. Segundo o New York Times, a empresa está prestes a fechar acordo com a American Booksellers Association, que congrega as mais de 1.400 livrarias independentes dos EUA. Esses estabelecimentos sofreram duros golpes no passado recente, primeiramente desferidos pelas redes de livrarias de descontos, como a Barnes & Noble, e depois pela gigante das vendas online de livros convencionais, a Amazon.com. O Google Editions pretende se tornar o principal vendedor de e-books em sites. No entanto, por não ter grande experiência em venda no varejo, a Google provavelmente enfrentará dificuldades para penetrar no já congestionado mercado de e-books. Consciente desses obstáculos, pretende também vender no atacado, permitindo que as livrarias independentes e outros parceiros vendam seus e-books em seus próprios sites. A Google já tem em seu acervo mais de dois milhões de livros. Em paralelo, a empresa prossegue escaneando milhões de obras esgotadas e raras, num projeto que vem enfrentando disputas jurídicas desde 2005.

Fonte: Publishnews

Nossa Loja Virtual