Continue reading " />

Escreva suas memórias e receba até 60 anos depois

Escrever pensamentos, desejos, mensagens e guardá-las para ler quando estiver mais velho já é uma tradição antiga e são chamadas de cápsulas do tempo. Se você já é adepto desse estilo de guardar lembranças poderá fazer isso com FutureMe, um aplicativo online que faz todo esse processo virtualmente.

A ferramenta é bem simples de usar e não requer nenhum tipo de instalação para utilizá-lo. Depois de acessar FutureMe você só precisa registrar as informações e enviá-las para um e-mail. O interessante do software é que ele permite registrar a sua anotação e mandá-la até 60 anos depois do dia publicada.

 

Como criar suas cápsulas do tempo

Assim que abrir a interface do programa você precisa cadastrar o e-mail para quem deseja mandar a mensagem: para você mesmo, amigo ou família. Em seguida é preciso colocar o assunto da mensagem que FutureMe irá enviar.

O próximo passo é digitar o que você deseja lembrar e determinar se a uma mensagem é pública ou privada. A última etapa é escolher qual o dia você irá receber o e-mail, digitar o código e clicar em Send this to the future!.

Além de ser uma excelente opção para guardar memórias, você também poderá usar FutureMe como um gerenciador de tarefas. Se você faz várias atividades ao mesmo tempo, o aplicativo é uma ótima opção para enviar lembretes para o seu e-mail.

Fonte: Blog Livros e Pessoas

Nossa Loja Virtual

As últimas do Twitter:

Em breve oitava edição em 20 anos de publicação do livro #HistóriadoCeará , autoria Prof. Aírton de Farias fb.me/1fyFGNoAD

À espera do Irma, empresário desabafa e relato comparando RJ a Miami viraliza @UOL noticias.uol.com.br/internacional/…

Focos de poesia no Brasil. Que tal acrescentar o seu grupo? Veja o app abaixo . fb.me/wVmVwvMr

Aniversário Armazém da Cultura: 8 aninhos 🍾🍀 pic.twitter.com/ToanE0qLCJ

Twitter Media

Publishnews indica uma alta por obras de autoajuda e infantojuvenis. Autor mais vendido:Edir Macedo nexojornal.com.br/grafico/2017/0… via @nexojornal

Por que Jane Austen ainda é tão lida, 200 anos depois de sua morte? fb.me/7BXt1iyiK

Por que Jane Austen ainda é tão lida, 200 anos depois de sua morte? www1.folha.uol.com.br/ilustrissima/2… via @folha

Levantamento mostra a diversidade de gênero, raça e nacionalidade dos artistas na história da arte nexojornal.com.br/grafico/2017/0… via @nexojornal

Links Sugeridos:

Livrômetro

58.620.865