Continue reading " />

Escolas privadas recebem guia de alimentação saudável

 

Escolas particulares vão começar a receber um manual que estimula a venda de alimentos saudáveis nas cantinas.

Preparado em 2010, o guia começou a ser distribuído nesta quarta-feira, em Porto Alegre. Segundo o Ministério da Saúde, autor da publicação, a ideia é lançá-lo em outros Estados do país.

O manual incentiva que as cantinas troquem a propaganda de alimentos não saudáveis por cartazes com frutas, polpas ou barras de cereais. Aos poucos, orienta o guia, os próprios alimentos não saudáveis (como salgadinhos industrializados e frituras) devem ser substituídos por alimentos com menos gordura, sal e açúcar.

Além de dar dicas específicas –como passar a oferecer salgados assados e com recheios mais variados– e informações gerais sobre alimentação e saúde, o manual sugere cardápios adequados às diferentes faixas etárias.

O lanche de crianças de 4 a 6 anos, por exemplo, deve ter entre 250 a 300 calorias (entre 10% e 15% da necessidade diária). Esse valor pode ser alcançado com cinco unidades pequenas de pão de queijo e uma vitamina de fruta, ou por um suco de laranja e um bolo de cenoura.

O “Manual das Cantinas Escolares Saudáveis: promovendo a alimentação saudável” está disponível na internet (http://189.28.128.100/nutricao/docs/geral/manual_cantinas.pdf)

Fonte : Folha de SP  JOHANNA NUBLAT 

Nossa Loja Virtual