Continue reading " />

Escola no Canadá usa versão cearense do “Boi da cara preta”

“O boi da cara de todas as cores” é da publicitária Clarisse Ilgentfritz, que criou novas músicas para a filha, que todas as noites pedia para ouvir a música do boi

“Boi, boi, boi

Boi da cara preta

Pega esta criança que tem medo de careta”

Quem nunca escutou ou cantou esses versos? O boi da cara preta já fez parte da vida de muitos adultos e ainda é presente na vida das crianças.

Clarisse Ilgentfritz (FOTO: Arquivo pessoal)

Clarisse Ilgentfritz (FOTO: Arquivo pessoal)

Mas a publicitária Clarisse Ilgentfritz, cansada da mesmice da música, resolveu criar uma nova versão especialmente para colocar a filha Isadora para dormir. “Na época a Isadorinha tinha 3 anos, e toda noite queria que eu cantasse a música pra ela. Eu sou muito inquieta e criativa e tive a ideia de mudar a canção todas as noites.”, conta.

Cada noite um novo repente, como a própria Clarisse diz. E o boi teve cara lilás, rosa, roxa, verde, um verdadeiro arco íris.

Um dia Clarisse resolveu anotar as várias versões da musiquinha do boi e mostrou para uma amiga ilustradora. “Ela se apaixonou pelo boi e fez ilustrações em cima das músicas”

  • E foi assim que surgiu o livro “O boi da cara de todas as cores“, já nas prateleiras das livrarias desde 2012. O livro virou sucesso entre as crianças e o que era apenas uma musiquinha pra filha dormir acabou conquistando até os adultos e Clarisse afirma receber muitas fotos dos pequenos lendo. Inclusive no Canadá, onde o livro é lido em escolas para as crianças aprenderem palavras em português.

Clarisse tem um blog onde divulga informações sobre o livro e  tem planos para criar uma linha de produtos como camisetas e canetas. “Minha amiga ilustradora conseguiu deixar o boi muito fofo e quero aproveitar isso”, afirma.

 em Literatura | 20/02/2014 – 13:25 Tribuna do Ceará

Nossa Loja Virtual

As últimas do Twitter:

Links Sugeridos:

Livrômetro

58.620.865